Suplementos fazem mal à saúde?

Um dos grandes males do ser humano está em julgar. Julgar sem saber, então, torna a situação pior ainda. E, infelizmente, é o que acontece quando se trata da suplementação.  Já virou um senso comum que o suplemento é algo nocivo à saúde. ⁣Vamos lá:⁣

– Para começar, todo suplemento é alimentar. Isso significa que ele se trata de um complemento à alimentação;
–  Não, o suplemento não engloba os hormônios. Neste caso, se chama reposição.;
⁣- Os suplementos não servem só para quem treina (para crescer). Além de melhorar a performance, eles também são indicados para promover a saúde e a qualidade de vida;
– Whey, por exemplo, não serve só para ganhar massa na academia. Há indicações desta proteína isolada para crianças, doentes e pessoas de baixo peso;
⁣- A creatina, associada a uma atividade física, desacelera a perda de massa muscular no idoso, mantendo sua autonomia, diminuindo o risco de quedas e proporcionando qualidade de vida;
⁣- Vitaminas C, D, E, entre outras podem ajudar no combate ao câncer. Preventivamente e em tratamento. ⁣
– ⁣Já a junk food, a comida industrializada, o álcool, o cigarro e os remédios anti-inflamatórios (para dor), que são vendidos livremente na venda da esquina, até para uma criança, fazem muito mais mal. Podem até matar!⁣

Lembrando que qualquer suplementação deve ser realizada por prescrição médica. Somente um profissional qualificado pode identificar a real necessidade de cada organismo

Compartilhar agora..

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter